2a. fase eSocial – Eventos não periódicos

Começou dia 01 de março de 2018 a 2ª. Fase do e-Social para o primeiro grupo de empresas

A obrigatoriedade das empresas do primeiro grupo para a transmissão dos eventos não periódicos para o eSocial (por exemplo: admissões, afastamentos, desligamentos) teve início no dia 01 de março de 2018.

Pelas regras do eSocial, apenas os trabalhadores que estiverem com sua qualificação cadastral realizada poderão ser informados nos eventos de admissão. A medida visa a resolver o problema de pluralidade de números de inscrição para o mesmo trabalhador. É o caso dos trabalhadores que possuem mais de um número do PIS. 

Na fase inicial, o sistema irá validar o NIS com o CPF, mas mesmo que tenha alguma divergência na base de dados do CNIS não impedirá o recebimento do evento no sistema. Será gerado, neste caso, uma mensagem indicando pendência na validação do NIS.

É importante lembrar que a validação na base do CPF será impeditiva e, portanto, os dados do trabalhador deverão estar corretos para que o evento seja recebido pelo eSocial.

Ou seja, pendência de dados no CNIS, o sistema irá aceitar com uma mensagem de pendência que deverá ser corrigida posteriormente.

Fonte: site Receita Federal – eSocial

Marcado como: 2a. fase eSocialcronograma eSocialeSocial

Contabilista e administrador de empresas, formado pela FECAP – Fundação Escola do Comércio Álvares Penteado em São Paulo. Tendo vivência em escritório de contabilidade, tesoureiro em associação sem fins lucrativos e gerente administrativo em indústria de balança eletrônica; atuando como consultor na área de administração de pessoal e também tendo atuado como facilitador do Sebrae-SP; atualmente vem exercendo a função de docente no Senac, unidade Jabaquara-SP, ministrando competências para os cursos técnicos e cursos livres.
  • Fui demitido em 08.02.2018 tinha 4 anos e 4 meses de trabalho, mais em 06.02.2018 assinei a carteira com contrato temporário de 6 meses, vou homologar em 15.03.2018 tenho direito ao seguro desemprego, pois hohe 09.03.2018 pedir minha demissão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *